COM 30 LEITOS

102

Novo bloco garante retirada de macas dos corredores do HGR

Cena que há muitos anos se repetia no HGR (Hospital Geral de Roraima), a acomodação de macas nos corredores da unidade começa a ficar no passado. Com a criação do bloco F, com 30 leitos, a unidade não terá macas fora das enfermarias.

A solução definitiva será a inauguração do Hospital de Clínicas, que servirá de retaguarda para o maior hospital do Estado, com mais 120 leitos.

“Fizemos um grande mutirão no último fim de semana e hoje podemos ver essa mudança realizada, onde os pacientes contam com uma boa acomodação, com condições muito melhores”, disse a governadora Suely Campos na manhã desta terça-feira, 6, durante vistoria ao novo bloco.

A secretária Maria do Socorro Alves, que acompanha um familiar que está em recuperação após uma cirurgia, disse que ficou feliz ao saber que não teria de ficar nos corredores da unidade.

“É legal porque aqui temos ar-condicionado, televisão e conforto para a pessoa que está se recuperando e já está fragilizada”.

O secretário estadual de Saúde, Marcelo Batista, explicou que a superlotação do hospital é acarretada pela estrutura física que há muitos anos não recebia investimentos.

“Com a inauguração do Hospital de Clínicas, prevista para março, abriremos mais 120 leitos. Com certeza, vai melhorar e desafogar o HGR. Tem ainda nosso projeto do anexo do HGR, que está praticamente pronto para ser inaugurado este ano. É uma nova fase que a saúde do Estado vai alcançar”, finalizou.

SHARE